Domingo, 16 de Dezembro de 2018

22/1/2015 - Mairinque - SP

Cerca de 200 pacientes de Mairinque podem ficar sem medicamentos de alto custo




 

da assessoria de imprensa da Prefeitura de Mairinque

 

Medicamentos utilizados por cerca de duzentos pacientes de Mairinque, fornecidos pela Farmácia de Alto Custo do Hospital Regional de Sorocaba, sob a responsabilidade do Governo do Estado de São Paulo, deixaram de ser entregues à Farmácia Central do SUS, em Mairinque neste mês de janeiro.

Carla R. Barroso, farmacêutica da Rede Municipal de Saúde de Mairinque, foi informada da falta dos medicamentos nesta quarta-feira, no Hospital Regional, quando foi retirar o malote de janeiro. Em Sorocaba, Carla Barroso tomou ciência, ainda, de que as pendências serão entregues assim que o estoque do Governo do Estado for restabelecido. Segundo o Hospital Regional, caso os remédios não cheguem até o dia 30 deste mês, só serão incluídos no malote de fevereiro.

Medicamento faltantes

Mairinque deixou de receber os medicamentos, alenia - formoterol + budesonida 12x400; seretide - salmeterol + fluticasona; brimonidina; brinzolamida; timolol; latanoprosta; lamotrigina 100 mg; entacapona (faltou metade da demanda de Mairinque); salbutamol spray; spiriva – tiotrópio; topiramato 100 mg; aripriprazol 15 mg (faltou metade da demanda de Mairinque); metrotexato inj (faltou metade da demanda de Mairinque); metrotexato cp; sulfassalazina 500 mg; leite neocate; esperamicina; residronato; fenofibrato (faltou metade da demanda de Mairinque); pravastatina e acitretina 10 mg.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Mairinque Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.